paisagem urbana - escolha o quebra-cabeça para resolver

A pintura de paisagem é um termo utilizado para a arte que representa cenas da natureza, como montanhas, vales, rios, árvores e florestas. É utilizado especialmente para representar a arte onde o tema principal é uma visão ampla, com seus elementos dispostos em uma composição coerente. Quase sempre se inclui a vista do céu, o tempo usualmente é um elemento da composição. Tradicionalmente, a arte de paisagens retrata a superfície da Terra, mas pode haver outros tipos de paisagens, que são inspirados por sonhos. Na pintura ocidental, a paisagem foi adquirindo pouco a pouco cada vez mais relevância, como fundo de quadros de outro gênero (como a pintura de história ou o retrato) até constituir-se como gênero autônomo da Holanda do século XVII. Dentro da hierarquia dos gêneros, a paisagem ocupava um lugar muito baixo, superior somente a Natureza-morta. Nos tempos das mais antigas pinturas chinesas, a tinta se estabeleceu a tradição de paisagens "puras", onde a diminutiva figura humana simplesmente convida o espectador a participar da experiência. Do Antigo Egito se conservam algumas representações paisagísticas esquemáticas nas tumbas dos nobres, gravados em relevo durante o Reino Antigo e pintadas a fresco pelo Império novo muitas vezes emoldurando cenas de caça ou rituais cerimoniais. Em Pompeia e Herculano são preservados afrescos romanos de quartos decorados com paisagens do Século I a.C.. Na antiguidade greco-romana, a paisagem é pintada como fundo ou entorno para contextualizar uma cena principal. Durante toda a Idade Média e Renascimento, a paisagem se concebe como uma obra divina e sua criação se faz referência ao seu Criador.